Contabilidade Condomínio online

Área do Cliente:


   Menu



Notícias

25.08.2017 - Dicas de especialistas

Contabilidade para e-commerce: não deixe para depois!

É muito difícil encontrar alguém que nunca tenha cedido à praticidade e autonomia das comprar pela internet. E não é à toa: está tudo ali, a um clique: produtos de uso pessoal, livros, passagens, ingressos, eletrônicos e muito mais. Estamos falando de uma das principais tendências de mercado que é a migração das relações de compra e venda para o meio digital.


O e-commerce (loja virtual) cresceu de uma maneira frenética nos últimos anos. E-commerce pode ser traduzido como comércio eletrônico, ou seja, consiste em um ambiente virtual que só vende produtos de uma única empresa. Diferente de um marketplace, plataforma onde várias empresas vendem os seus produtos, como por exemplo, Mercado Livre, PontoFrio, Submarino, Walmart, OLX entre tantas outras plataformas muito conhecidas.


O número de novos negócios neste segmento cresce rapidamente, sobretudo pelas vantagens em trabalhar por meio da internet. E aqui vai um alerta! Independente do formato do negócio o empreendedor precisa estar atento aos requisitos legais e aos processos para formalização da empresa. E esse é um de nossos objetivos, mostrar de maneira geral, que se você tem talento para o empreendedorismo digital, mas não entende de contabilidade, não há porque se preocupar, pois existem orientações básicas que vão te ajudar a alavancar o seu negócio com segurança.


Por mais que a sua empresa esteja somente no ambiente online, onde a atenção para o marketing digital e outras ações que gerem vendas é prioridade, não deixe a contabilidade para depois! São muitos processos administrativos e logicamente alguns segmentos possuem particularidades que devem ser analisadas individualmente.  Uma primeira dica: não hesite em buscar ajuda de um profissional da área contábil. É importante contratar alguém especializado para cuidar desse setor, pois a tentativa de controlar áreas sobre as quais não temos conhecimento pode ser uma das grandes causas de problemas futuros.


Já na constituição de sua empresa e para atuar no e-commerce como pessoa jurídica, você precisará de ferramentas adequadas e principalmente de uma empresa de contabilidade que conheça as obrigações e particularidades do seu negócio e do segmento. As técnicas contábeis serão vitais para a gestão empresarial, permitindo que visualize como está a evolução e também identifique possíveis obstáculos que precisam de atenção. A boa notícia é que a maioria desses processos podem ser automatizados, através de softwares específicos, o que facilita muito seu gerenciamento contábil, fiscal e tributário.


Fique de olho na análise tributária! A reclamação sobre a carga tributária envolvida nas relações de consumo no Brasil é unanimidade, tanto por parte das empresas como pelo consumidor final. Não há como fugir e para evitar riscos de despesas desnecessárias ou pagamentos de tributações de forma equivocada, é fundamental conhecer quais são as melhores opções para o seu negócio. A escolha correta da forma de tributação será fundamental para o melhor aproveitamento das margens geradas por suas vendas e é um especialista que poderá orientar sobre qual a modalidade adequada para o seu negócio.


Independente do tamanho e da natureza do seu negócio, a gestão contábil não pode ser tratada de forma amadora ou secundária. Muitas empresas fecham as portas diariamente, muitas vezes devido à falta de atenção e gerenciamento de áreas vitais, como a contabilidade. No e-commerce não é diferente, portanto faça o dever de casa.


Fonte: Olist /Guia de e-commerce Marketing de Conteúdo/Rock Content/Endeavor


Colaboração:  Alexandra Michnoski T. da Silva





Compatilhe esta notícia: